Sejam mais Homens.

para ouvir: Sunday Morning – Maroon 5Whatever – Oasis

Odeio homens sem atitude. Odeio aqueles que olham, e não agem. Que querem, e não fazem. Seja qual for o motivo, independente. Homens, sejam menos mulheres e mais homens. Sejam vocês. Sejam homens o suficiente para assumir e admitir o querem e o que pensam. Cresçam, amadureçam, evoluam. Avancem, saiam de onde estão. Pensem diferente, façam diferente. Sejam mais humanos. Respeitem, e sejam mais vocês. Mais honestidade, por favor. Sejam mais homens, hoje e em qualquer outro instante.

"Um dia vocês vão perceber que estar junto, não é estar ao lado, mas sim do lado de dentro."

 

 

Música: alimento da Alma.

Às vezes palavras soltas não conseguem expressar tudo o que queremos dizer. Às vezes falta ir além para conseguirmos chegar aonde queremos, falta algo que não sabemos. Falta complemento. Falta cor, sabor, intensidade. É por isso que ouvimos as músicas: toda essa melodia e magia conduz nossas palavras à nossa alma, como se estivessem interligadas por algo que apenas nós conseguimos sentir; conduz ao lugar certo, como um encaixe, um quebra-cabeças perfeito. A música é a expressão mais viva da nossa alma, e nossas palavras são reflexos dessa maravilhosa sintonia.

“Tente. Sei lá, tem sempre um pôr-do-sol esperando para ser visto, uma árvore, um pássaro, um rio, uma nuvem. Pelo menos sorria, procure sentir amor. Imagine. Invente. Sonhe. Voe”.

 

Eu sou intensa. Gosto de ser assim. Gosto de escrever assim. E gosto de deixar isto transparecer em meus textos. Por isso eu escrevo sentindo a música – pode ter certeza que apenas assim meus versos ganham vida. Quer tentar?

“Carregue-a

e finja que você vai jogá-la na piscina. Ela vai gritar e te bater, mas secretamente ela vai amar. Segure sua mão enquanto você conversa, segure sua mão enquanto você dirige, apenas segure sua mão. Diga que ela está linda, olhe em seus olhos enquanto você fala com ela. A proteja. Conte piadas idiotas para ela. Faça cócegas nela, mesmo que ela te mande parar, quando ela começar a te xingar, diga que a ama. Deixe-a adormecer em seus braços. Deixe-a brava, em seguida, beije-a. Provoque-a e deixe-a te provocar de volta. Beije-a na bochecha, beije-a na testa, apenas beije-a. Deixe-a vestir suas roupas, deixe-a brincar com você, deixe-a se fazer de difícil, entre no jogo dela. Vá devagar, não force nada. Quando você olhar no fundo dos olhos dela, quando seu coração acelerar e as pernas tremerem…”

Aí você vai entender o que eu estou tentando dizer.

"Talvez nem tudo deva durar para sempre. Certas coisas são como escrever no céu: uma coisa muito bonita mas que dura alguns instantes apenas, e depois.. depois você entende, né ?" ABC do Amor

 

Quem dá flor, recebe amor

“Tá faltando homem que assuma seus afetos, homem que se apaixone. E que se dane o que os outros pensem ou que a sociedade aplauda ou condene. Tá faltando homem, que agüente as conseqüências de seus desejos e que defenda as razões de seu coração. Tá faltando homem.” Pedro Bial

para ouvir: Por Entre as Mãos – Sheriff Billy Joe e Acima do Sol – Skank

Precisa dizer mais alguma coisa?

Para você que gosta de romances ..

.. este é para assistir bem juntinha com o namorado, ou no meu caso com meu cachorro comendo pipoca e chocolate. O filme italiano trata do amor verdadeiro, da paixão existente entre uma jovem estudante e um típico quarentão. Deliciosamente romântico! Você vai querer se apaixonar depois de ouvir a música italiana, tema do filme.

Lição de Amor (Scusa Ma Ti Chiamo Amore). 2008. Itália. Direção: Federico Moccia. Gênero: Romance. Duração: 82 minutos.

Tradução.